Mulheres da Vida: Prostituição, Estado e Politicas

Autor: Manuel Carlos Silva e Fernando Bessa Ribeiro
Editora: Humus, 2010

A obra sintetisa os resultados de um projeto de pesquisa sobre a prostituição feminina em regiões transfronteiriças no Norte de Portugal-Espanha.

O fenómeno prostitucional, particularmente a prostituição em clubes e a sua mobilidade nacional e internacional, constitui um fenómeno recentemente mais acentuado, globalizado e em expansão, um sector altamente volátil e flexível. A composição dos seus protagonistas é heterogénea, quer em termos de donos de "clubes" de clientes e, em particular, de mulheres, com predomínio de mulheres estrangeiras, maioritariamente mães, a operar em "clubes". Este sector de actividade tem conhecido, a par duma multiplicação de "clubes", uma crescente concentração, ao mesmo tempo que constitui um campo carenciado de enquadramento e intervenção institucionais.

A problematização da prostituição feminina; o perfil das mulheres que se prostituem, as suas condições de vida e circunstâncias em que desenvolvem a sua actividade, bem como os seus trajectos e estratégias; os mediadores e os donos dos "clubes" na prostituição abrigada, bem como os proxenetas na prostituição de rua; os clientes e seus discursos; e o posicionamento do Estado, assim como o tratamento dos diversos sistemas legais face ao fenómeno da prostituição, são temáticas presentes no livro.

 

Manuel Carlos Silva é professor catedrático do departamento de sociologia da Universidade do Minho, Presidente da Associação Portuguesa de Sociologia e autor de Classes Sociais (Humus, 2010). Fernando Bessa Ribeiro é professor do Departamento de Economia e Sociologia na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro.

© copyright SNESup | Todos os direitos reservados

 
visitas