É para Valorizar. É para Cumprir - esta é a hora de agir!

Colega,  

não haja dúvida que a nossa situação profissional depende da nossa ação e da nossa capacidade de união enquanto classe profissional. Muitos dos males que nos afetam dependem apenas de nós. Em qualquer profissão a afirmação e a reclamação de valorização da classe profissional depende da ação de todos.  

Nada vai acontecer que não passe por nós mesmos.  

O que se está a passar no Ensino Superior e Ciência não é coisa pouca. O grau de desvalorização, ilegalidade e autocracia afeta a todos.  

Um colega na categoria de Professor Auxiliar fez as contas quanto à evolução do seu rendimento líquido mensal (considerando os subsídios de férias e de Natal) e, sem surpresa, após nove anos (quase uma década) verificou que está a receber menos 12%!! A que se deve retirar mais 10% devido à inflação acumulada neste período!   Exemplo da variação do rendimento líquido mensal na categoria de Professor Auxiliar:  

2009

2018

Variação

2 436,12

2 155,03

-12%

E você, já fez as contas?  

Neste caso o valor real do salário de 2009 corrigido por efeitos de inflação deveria ser cerca de 2677€, ou seja, uma diferença de mais 520 € por mês.  

Tal significa uma grande perda do nosso salário real, apesar do muito que produzimos e do muito que temos feito pela própria sustentabilidade do sistema.  

É completamente inaceitável que os colegas que progrediram em mérito por concurso sejam reduzidos ao salário da categoria anterior, que não se paguem as progressões remuneratórias, que se tentem pagar menos a quem faz o trabalho de docente a tempo inteiro.  

O envelhecimento do corpo docente, a precarização galopante (endémica no ensino superior privado), o desvario de regulamentos ilegais (e sua prepotência) até chegarmos aos contratos esclavagistas de remuneração zero, são tudo sinais da degradação que não pode ser explicada só pelo subfinanciamento público.  

É bom que desenvolvamos uma consciência clara de classe profissional.  

Agora, está nas suas mãos.  

Se está amanhã às 12h nas concentrações, se partilha uma foto com os colegas no gabinete, ou no laboratório, se muda a sua foto de perfil com a moldura do #eparacumprir, se demonstra o mínimo de solidariedade com uma causa que é a defesa da sua própria profissão.Depende só de si.  

É para garantir a dignidade de uma profissão e de todo o sistema de Ensino Superior e Ciência. É para Valorizar.   

#EParaCumprir!  

 

Saudações Académicas e Sindicais,
A Direção do SNESup

22 de março de 2018

© copyright SNESup | Todos os direitos reservados

 
visitas