Grave – Proposta de Alteração RADD UAlg

01/24/2019

Colega,

o SNESup foi informado de que se encontra aberto o processo de audição pública de uma proposta de alteração do Regulamento de Avaliação de Desempenho do Pessoal Docente da Universidade do Algarve.

A proposta apresentada pela reitoria da Universidade do Algarve possui um dos mais gravosos atentados à autonomia académica e científica, que não possui paralelo em qualquer outra instituição. A reitoria da Universidade do Algarve pretende implementar um sistema de quotas, tal como se apresenta bem claro no texto proposto para o número 5 do artigo 7.º.

Como todos sabemos, a questão das quotas foi afastada dos estatutos de carreira, sendo uma matéria cuja introdução contava com a oposição do então ministro Mariano Gago.

A introdução do sistema de quotas na avaliação de desempenho docente da Universidade do Algarve significa, não só, que a reitoria da Universidade do Algarve nada compreende das razões do anterior ministro Mariano Gago (que se prendem com uma autonomia científica e académica em que não pode haver limitações e discriminações), como manifesta uma visão de um funcionalismo absolutamente redutor.

Em termos nacionais esta proposta nada resolve sobre a questão das progressões na carreira, sendo apenas um exercício de prepotência e discriminação da atual reitoria da Universidade do Algarve, que nada ajuda.

Até ao dia 19 de fevereiro a proposta de regulamento está em discussão pública, apelamos a todos que façam chegar a sua opinião ao Magnífico Reitor da Universidade do Algarve (reitor@ualg.pt), e se assim o entenderem dar conhecimento da mesma ao SNESUP (snesup@snesup.pt)

Não podemos deixar que a reitoria brinque com a nossa carreira.

Há que dizer não à revisão e não à discriminação!

Saudações Académicas e Sindicais
Direção do SNESup

24 de janeiro de 2019

Share This