SNESup corrige MCTES no Parlamento

02/21/2020

Colega,

O SNESup foi ontem recebido no Parlamento em audiência na comissão parlamentar de Educação , Ciência, Juventude e Desporto pedida pelo Bloco de Esquerda, para discutir a precariedade no Ensino Superior e Ciência.

Esta audiência foi uma oportunidade para o SNESup corrigir os erros dos dados apresentados pelo ministro Manuel Heitor.

O SNESup detetou e denunciou casos de contratos à mesma pessoa que foram contabilizados duas vezes, bem como a inclusão (invenção) de 400 contratos em Unidades de I&D supostamente resultantes da avaliação das mesmas, quando tal avaliação apenas ficou concluída no início do Verão de 2019.

Tudo isto é particularmente grave quando tem origem, precisamente, no Ministério da Ciência, que tem como missão apoiar a produção de conhecimento científico fundamentado e rigoroso.

Convidamo-lo a ver a audiência na nossa página de Facebook <link para vídeo>

O SNESup aproveitou ainda a ocasião para abordar a questão do colega António Delgado,  que tem sido vítima de uma situação kafkiana e de verdadeira injustiça, a qual demonstra a necessidade de se alterar a legislação com garantias de vínculo reforçadas.

Abordámos ainda a injustiça criada sobre a Universidade da Madeira, a qual viola princípios elementares.

A comissão parlamentar aprovou em seguida, por unanimidade, que fosse requerida uma audição, com carácter de urgência, ao Ministro Manuel Heitor e ao reitor da Universidade da Madeira.

Connosco

#éparacumprir

Saudações Académicas e Sindicais
A Direção do SNESup

21 de fevereiro de 2020

Share This