Adaptação Avaliação de Desempenho

06/26/2020

Colega,

como sabemos, as medidas de mitigação e contenção da pandemia COVID-19 colocaram sérios constrangimentos à nossa atividade académica.

Tais dificuldades prendem-se não só com o impacto psicológico do confinamento, como da necessidade de atender a diversas situações, com um equilíbrio difícil entre a vida familiar e a vida laboral, acrescida de uma demanda de adaptação urgente através de ensino remoto.

Acresce que diversos congressos foram cancelados, várias publicações estão também a ter dificuldades de produção (nalgumas áreas mais do que outras), as infraestruturas e meios de análise estiveram fechados, colocando um problema claro à nossa atividade.

Dita o bom senso que dadas as circunstâncias, bem como o excelente trabalho que realizámos de adaptação à nova realidade (e a sua importância para o país), que deveria existir um reconhecimento relativamente a esta matéria.

Ora, as sérias deficiências dos sistema de avaliação de desempenho irão criar uma penalização, em vez de um reconhecimento.

Assim sendo, o SNESup considera que deve existir uma adaptação dos regulamentos de avaliação de desempenho, com um reforço da ponderação e avaliação da vertente pedagógica (nomeadamente quanto à componente letiva, produção de conteúdos e adaptação ao digital).

A existir tal adaptação, ela deve seguir o princípio da aplicação mais favorável (que é a razão económica de ser da eficácia – não prejudicar ninguém e melhorar).

O SNESup tem colocado esta questão com todos os reitores/as e presidentes de politécnico com quem reuniu até agora (a quase totalidade), sendo que vimos abertura para esta possibilidade.

Com a participação de todos é possível realizar esta adaptação, que demonstra maturidade e bom senso coletivo.

#éparacumprir

Saudações Académicas e Sindicais,
A Direção do SNESup
26 de junho de 2020

Share This