Comunicados

Reunião com MCTES – Progressões nas Carreiras e Ensino Superior Privado

O SNESup reuniu com o ministro Manuel Heitor sobre a proposta de decreto-lei relativa a concursos de promoção interna a categorias intermédias e de topo. A proposta foi aprovada na generalidade em Conselho de Ministros no dia 4 de novembro e o SNESup só teve conhecimento do documento depois de ter sido aprovado. Durante a reunião, defendemos que a eventual implementação de concursos internos de promoção tem de ser articulada com a continuidade das progressões através de concursos públicos internacionais, bem como com resultados efetivos dos processos de avaliação de desempenho.

read more

Reunião no IPTomar

Vamos ter oportunidade de discutir questões referentes às progressões nas carreiras e a outros assuntos que os colegas entendam destacar. Nos últimos anos, a elevada exigência no trabalho de docentes e investigadores não tem sido devidamente reconhecida quer no plano da progressão nas carreiras, quer no que respeita a combater a precariedade contratual e rejuvenescer estes grupos profissionais. E os desafios ainda se acentuaram mais nestes últimos dois anos de crise pandémica.

read more

Regime de concursos internos de promoção

O Conselho de Ministros aprovou ontem o regime de concursos internos de promoção a categorias intermédias e de topo das carreiras docentes do ensino superior e da carreira de investigação científica.
É conhecido o modo como o trabalho de professores e investigadores nas instituições de ensino superior e ciência tem sido sistematicamente desvalorizado, o que se reflete, entre outros aspetos, na escassez de oportunidades de progressão nas respetivas carreiras.

read more

Inquérito às condições laborais de Investigadores e Docentes do Ensino Superior em Portugal

O SNESup está a promover um questionário que visa conhecer melhor as condições laborais de investigadores e docentes de ensino superior por forma a apoiar a ação sindical.
Caso ainda não tenha preenchido o questionário, pedimos que aceda a https://forms.gle/ofAzpWScJ4bSADa98. Pode participar neste inquérito independentemente do grau académico que concluiu, de estar numa situação contratual estável ou instável, de exercer a tempo parcial ou a tempo completo, de ser (ou não) sindicalizado.

read more
Share This